Buscar

2º Meeting Empresarial debate era digital em Santo André

Fonte: Imprensa ABC

Com foco no futuro e desenvolvimento da cidade, a Prefeitura de Santo André realizou o 2º Meeting Empresarial, neste ano com o tema “Transformação digital e as novas regras do jogo”. O encontro reuniu cerca de 300 empresários para discutir os novos rumos que as mudanças digitais trazem para o cenário econômico, o caminho para mais investimentos no município e o papel do poder público no desenvolvimento da economia andreense.


O evento debateu o ritmo acelerado de surgimento de novidades tecnológicas no dia a dia das empresas e de seus clientes. O prefeito Paulo Serra destacou a retomada da atividade econômica da cidade desde a realização do 1º Meeting Empresarial. “O primeiro meeting já havia sido um sucesso e nos deu a oportunidade de propor ideias. Neste segundo estamos mostrando como as coisas estão andando, evoluindo. Com o nosso choque de gestão, fizemos como as empresas e ‘voltamos ao mercado’, e este desenvolvimento é fundamental para a retomada econômica da cidade”, afirmou.


Em uma apresentação totalmente digital, o prefeito ainda mostrou como está o andamento do Centro de Inovação Tecnológica, que dará o pontapé inicial ao Parque Tecnológico. Outro projeto citado foi a elaboração da lei de estímulos tributários, que deve ir à Câmara Municipal nos próximos meses, e que buscará facilitar a chegada de novas empresas à cidade, além de ajudar quem já investe atualmente no município.


Geração de empregos

Santo André possui hoje cerca de 36 mil empresas, que contam com aproximadamente 210 mil trabalhadores qualificados. A cidade é um dos maiores parques industriais de São Paulo e tem como uma das metas ser cada vez mais atrativa para novas empresas, de modo que sejam gerados mais empregos e renda. Há anos Santo André não possuía uma política voltada ao desenvolvimento econômico.


A missão de consolidar a cultura empreendedora em Santo André é demonstrada com ações que a Prefeitura realiza desde o início de 2017 e este trabalho já colhe frutos, como a elevação no rating de investimentos de nota E para B, permitindo que a cidade conquiste financiamentos fundamentais para a melhora do município.


Uma das primeiras ações da administração foi o lançamento do Via Rápida Empresa, que chegou para combater a burocracia e reduzir, de cerca de seis meses para apenas um dia, o tempo para se abrir um empreendimento na cidade.